Quem viu Bruna ? Busca encerrada



O corpo de Bruna Tadim de Sousa, uma adolescente de 16 anos que estava desaparecida desde o dia 29 de dezembro, foi encontrado na tarde deste domingo no Parque Cecap, em Guarulhos, por moradores da região. Os pais da garota reconheceram a jovem por causa da roupa que ela usava no dia em que sumiu. O corpo estava amordaçado e em estado de decomposição.Deixo meu pesar a família.




Você viu a
Bruna??? Entre em contato!!!
No dia 29/12 (quarta-feira), a jovem Bruna Tadin de Souza recebeu uma ligação de um jovem, ex-colega de escola ( E.E. Elísio), por volta das 19:00h que lhe disse que havia lhe conseguido um emprego e que era para ela ir até a casa dele (Condomínio Bahia - CECAP - Guarulhos) para pegar o uniforme, assinar alguns papéis e poder começar a trabalhar no dia seguinte. Esta ligação foi recebida no celular da avó dela. Ela então se arrumou, pediu dinheiro a avó para a passagem, uma vez que os pais não estavam em casa, e informou à irmã Monique sobre a ligação e que iria até a casa do rapaz que se chama Maicon. Por volta das 21:00h ela ligou para o Namorado Lucas Gabriel e falou o que iria fazer. Ele ainda tentou fazê-la não ir por causa do horário, mas ela disse que não haveria problema e que iria rápido. Ela estava trajando uma blusa branca de mangas compridas, calça jeans e sandálias. Este foi o último contato de que a família tem notícias. Por volta das 22:30h a família da jovem entrou em contato com o namorado perguntando se ela se encontrava com ele. Mediante a resposta negativa, passaram na casa dele, o pegaram e se encaminharam para a casa do rapaz com o qual ela disse que iria se encontrar para pegar o uniforme e tratar sobre o emprego. Chegando lá, por volta das 23:00h o rapaz estava de cabelos molhados, parecia ter saído do banho e negou que tivesse ligado e que tivesse se encontrado com ela. Falou que poderia ser outro Maicon, só que este outro estava trabalhando durante a noite inteira. Ao voltarem ao apartamento do rapaz que fez o convite à Bruna, solicitaram a presença da polícia e esta revistou o apartamento do mesmo, apreendeu seu computador e este foi prestar depoimento na delegacia, já acompanhado de seu advogado pois ele tem 4 processos por estupro e inclusive uma indicação para ser encaminhado a Fundação Casa. Ele foi liberado depois de prestar o depoimento. A família buscou nos hospitais, IML, casas de amigos, familiares e colheram informações no local onde o suspeito mora e encontraram uma das vítimas dele que os levou até o lugar onde ela havia sido estuprada por ele. Um matagal próximo ao condomínio onde o rapaz mora. Várias foram as informações de que o rapaz comete estupros e sai ileso por ser menor. A família solicitou a busca nos matagais próximos aos condomínios do CECAP, mas não tiveram resposta pois as delegacias se encontravam fechadas no final de semana e somente ouviam que algo só poderia ser feito na segunda-feira. Buscaram sozinhos e com a ajuda de amigos, mas não obtiveram sucesso. A polícia civil e o corpo de bombeiros iniciaram as buscas somente na segunda-feira dia 03.01, mas não conseguiram encontrar a jovem. O rapaz suspeito do desaparecimento da jovem se encontra na Fundação Casa pois foi detido por causa de outro caso de estupro, nos mesmos moldes, que cometeu no dia 07 de dezembro do ano passado. Na segunda-feira, dia 10.01,houve uma ligação de um rapaz que viu nosso apelo no Orkut, que disse ter visto a jovem vagando, desnorteada e completamente suja na Rua dele, em EMBU.Foram até lá e o jovem que deu seu endereço e telefone fixo confirmou que era ela mesma que ele havia visto no dia 05.01, na sua rua. Então foram até duas delegacias de EMBU, mas não quiseram ajudar dizendo que estava tarde da noite e que chovia muito. Assim 4 pessoas da família foram aos locais que encontraram abertos e em um bar um senhor, após ver o cartaz com a foto de Bruna, disse que também a viu no dia 05.01, naquela região. O padrasto de Bruna e mais quatro pessoas voltaram no dia seguinte, 11.01 e passaram o dia mostrando a foto dela e algumas pessoas também afirmaram que teriam visto a jovem. O problema é que a polícia de Guarulhos deu o caso como encerrado, alegando homicídio sem corpo e afirmam não terem dúvidas que foi o suspeito, e não querem ajudar nas buscas destas novas pistas. A família quer reunir um grupo grande de pessoas para fazer uma busca na região de EMBU, mas não dispõe de recursos e precisaría conseguir ônibus para levar as pessoas até lá. A família está desesperada e não encontra apoio do poder público. AJUDE A DIVULGAR!!! Nenhuma família merece passar por isso! Facebook da Tia da Bruna -http://www.facebook.com/Tchelly.Veras.1

Comentários

Anônimo disse…
EXISTE UMA FOTO NUM OUT-DOOR NA AVENIDA NORTE SUL EM VITORIA-ES DE UMA MOÇA MUITO PARECIDA COM A BRUNA INCLUSIVE O NOME E O MESMO Q TRABALHA EM UMA BOATE. NAO SEI SE E A MESMA FAVOR VERIFICAR.
Anônimo disse…
A FOTO DESTA MOÇA ESTA NUM OUT-DOOR NA AV. NORTE SUL DE VITORIA-ES COMO DANÇARINA DE BOATE, VALE A PENA CONFIRMAR SE E A MESMA PESSOAE MUITO PARECIDA COM ESTA DA FOTO
Rosinha disse…
Olá amiga, já estou divulgando ok? Espero que logo ela apareça.bjs

Postagens mais visitadas